CÁLCULOS BILIARES

by Paula

Definição

Os cálculos biliares são cálculos formados por uma acumulação de bílis e de colesterol cristalizados. São mais comuns nas mulheres com idade superior a 40 anos, que são obesas e têm filhos, sendo igualmente frequentes nos diabéticos, nos obesos e nas pessoas idosas. Aproximadamente metade das pessoas que sofrem de cálculos biliares não apresentam sintomas.

Sintomas de cálculos biliares:

– Icterícia (a pele adquire um tom amarelado).

– Fezes da cor da argila.

– Urinas escuras.

Os dois sintomas seguintes manifestam-se geralmente nas três ou quatro horas subsequentes ao consumo de alimentos fritos ou muito ricos em gorduras:

– Dores agudas na parte superior do abdómen, que podem irradiar para os ombros e as costas.

– Vómitos e/ou náuseas.

Causas

  • Insuficiência hepática que provoca uma produção anormalmente débil.
  • Insuficiência de fibras na alimentação.
  • Carência em vitamina C. Esta vitamina ajuda a converter o colesterol em ácidos biliares.

Remédios naturais

Regime alimentar

– Deve absolutamente eliminar da sua alimentação os alimentos muito ricos em gorduras saturadas e em colesterol, como os laticínios ricos em gorduras, os produtos à base de carne, os ovos estrelados ou mexidos e os óleos.

– Evite o açúcar e os alimentos ricos em açúcar.

– A possibilidade de uma carência em ácidos e em enzimas digestivas deve ser examinada, já que estas substâncias determinam a decomposição dos alimentos ingeridos.

– A produção de colesterol não depende unicamente do consumo de alimentos que o contêm. Mesmo os vegetarianos podem apresentar níveis elevados de colesterol quando estão sujeitos a muito stress. O colesterol é uma componente da adrenalina. Durante os períodos de stress, o fígado produz quantidades excessivas de colesterol, para ajudar as glândulas suprarrenais a segregar adrenalina. O nível global de colesterol no organismo aumenta e quando este processo se mantém durante um período prolongado, o fígado acaba por ceder e deixa de funcionar.

– Os alimentos ricos em fibras absorvem e eliminam o colesterol e a bílis, mantendo-os solúveis e retardando ou eliminando a sua absorção pelo organismo. Uma das principais causas do cancro do cólon é a presença de grandes quantidades de bílis no cólon.

Os alimentos ricos em fibras são, nomeadamente:

  • As leguminosas.
  • O farelo.
  • Os cereais integrais.
  • O arroz integral.
  • As massas alimentares produzidas com cereais integrais.

Plantas

– A salsa alivia todos os problemas hepáticos.

– O cardo de Santa Maria (Sylibum marial] regenera as células do fígado.

Terapêuticas complementares

– As compressas de óleo de rícino. Embeba uma ponta de flanela em óleo de rícino quente, enxugue-a e coloque-a sobre a região inflamada. Cubra com um plástico e seguidamente com uma almofada de aquecimento. Aplique esta compressa 2 vezes por dia, durante uma hora de cada vez.

– A limpeza da vesícula para eliminar os cálculos. Não coma nada depois do meio-dia. Às 19 horas, tome 60 ml de azeite, mais 30 m! de sumo de limão fresco. Repita as mesmas quantidades, de quinze em quinze minutos, até às 20 horas e 45 m. Nessa altura terá ingerido 480 ml de azeite e metade do sumo de limão.

– Vá para a cama às 22 horas e deite-se sobre o lado direito. No dia seguinte de manhã, os cálculos passarão para as fezes se não forem demasiado volumosos. O canal biliar é lubrificado pelo azeite e dilata-se. Os cálculos existentes no interior do canal deslocam-se e circulam até aos intestinos, onde são eliminados nas fezes. As fezes podem ser frequentes durante dois dias.