BRONQUITE

by Paula

Inflamação dos brônquios, aguda ou crónica, uma bronquite é, em Geral, provocada por uma gripe ou uma simples constipação. Mas pode ser provocada por uma poluição suportada durante demasiado tempo: tabagismo dos pais para as bronquites das crianças, que as perseguem incessantemente à mínima constipação.

Independentemente da sua origem, a bronquite instala-se muitas vezes durante pelo menos 2 semanas. As recaídas e recidivas podem ser frequentes, sendo, por conseguinte, uma afecção que não deve de maneira nenhuma ser menosprezada. O repouso na cama é recomendado, mesmo se o doente não sentir necessidade. A alimentação deve ser ligeira.

A bronquite aguda que começou com corrimento nasal, apresenta em primeiro lugar uma tosse seca, seguida de expectoração. É acompanhada por febre.

A tosse, por mais desagradável que seja, tem no entanto a sua utilidade: a expectoração permite evacuar o excesso de secreções de muco, purulentas. Porém, é útil tentar fluidificar estas secreções para que o doente as possa evacuar mais facilmente. Durante uma crise, siga uma dieta: suprima os açúcares, os produtos lácteos e os fritos. Prefira os caldos de legumes e os sumos de fruta frescos.

Bronquite crónica

Uma bronquite torna-se crónica quando dura mais de 3 meses por ano e volta obstinadamente mais de 3 anos consecutivos.

A tosse e a expectoração existem sem que o paciente se sinta especialmente cansado ou com febre. Em seguida, as dificuldades respiratórias aparecem, manifestam-se através de crises semelhantes a crises de asma, ou através de crises mais discretas mas permanentes.

O estetoscópio ou uma escuta atenta permite identificar os ruídos brônquicos. As 2 causas essenciais da bronquite crónica são: os climas com nevoeiro e humidade e o tabagismo. Para tratar a bronquite crónica, a supressão dos irritantes (fumo ou poluentes), constitui a primeira medida indispensável e obrigatória.

Porém, a cura total é rara. Pode simplesmente evitar o aparecimento de novas crises significativas. Recomendam-se estadias prolongadas em climas quentes e secos.

Um conselho muito simples para drenar os brônquios: deite-se de barriga para baixo e deixe a cabeça pender fora da cama, mais baixa que o peito. Esta posição deve ser mantida durante um minuto (2 vezes ao dia)

Mistura para purificar a atmosfera

Se tiver bronquite crónica, aconselho a que purifique a sua atmosfera. Para isso, mande preparar numa farmácia a seguinte mistura:

Óleo essencial de cajepute

Óleo essencial de tomilho vermelho

Óleo essencial de eucalipto

Óleo essencial de pinheiro

Óleo essencial de murta

– 6 ml de cada óleo, de maneira a obter um frasco de 30 ml.

De manhã e à noite – colocar algumas gotas num prato colocado sobre um aquecimento. Vai obter resultados ainda melhores utilizando pequenos difusores eléctricos vendidos nas lojas de dietética e em algumas farmácias.

Bronquite aguda

• Na chávena de chá do pequeno-almoço, almoço e lanche – Dilua 1 ampola de sumo de rabanete preto.

3 vezes ao dia – 2 gotas de óleo essencial de Canela num torrão de açúcar.

Durante o dia – Beber esta tisana à vontade:

Flor de verbasco: 50 g

Baga de zimbro: 50 g

Baga de roseira brava 50 g

Folha de eucalipto: 50 g

Folha de hortelã: 25 g

Planta Hissopo: 50 g

Planta de borragem: 50 g

Misture as plantas. Coloque 5 colheres de sopa rasas da mistura num litro de água fria, leve a ebulição, deixe ferver durante 1 minuto e em infusão durante 10 minutos e filtre.

Duração do tratamento: continuar o tratamento durante pelo menos 1 semana, após a cura.